ADAL face à crise sanitária com o COVID-19

A ADAL- Associação de Defesa do Ambiente de Loures vê com preocupação a crise sanitária internacional e nacional provocada pelo novo coronavírus, designada COVID 19.

Declara, por isso, a sua confiança no Serviço Nacional de Saúde e nos profissionais de saúde do país, cuja competência, dedicação e capacidade de trabalho, serão o fulcro do combate ao vírus. Importa, por isso, que o governo não hesite e não demore a disponibilizar ao SNS todos os recursos que precisam e precisarão ser mobilizados para esta batalha, sem paralelo, nos tempos modernos.

Os exemplos dos restantes países, mostra abundantemente que o papel das organizações e dos indivíduos é crucial para travar, bloquear e reverter a disseminação. É essencial que se impeça a contaminação comunitária. É indispensável bloquear o vírus.

Nesse sentido, os Orgãos Sociais da ADAL decidem suspender toda a sua actividade presencial, enquanto estiver declarada a situação de estado de alerta ou outra similar, sustentada na visão das autoridades de saúde sobre a crise em decurso.

Assim, adiam-se também as Assembleias Gerais – ordinária e eleitoral – previstas para o dia 31 do corrente mês.

Logo que o país readquira condições sanitárias seguras, de imediato se retomarão as convocações e demais procedimentos indispensáveis.

Termina-se com um forte apelo a que todos, individual e colectivamente respeitemos as recomendações das autoridades de saúde, promovendo e praticando o isolamento social que permita o mais rápido possível regresso à normalidade sanitária.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *